Visita a Rep. Tcheca


No sábado, 30 de outubro de 2010 dirigi-me a República Tcheca, onde encontraria o Padre Pavol que trazia um carro de seu país, Eslováquia, a Espanha, onde chegamos na manhã de 03 de novembro.

Ao chegar em Praga, capital da República Tcheca, fui acolhido por 03 jovens eslovacos que vivem ali. O problema de tudo isso foi a comunicação, no país apenas se fala Tcheco ou Inglês, assim tive que explorar todas as palavras soltas dos vestígios de inglês que tenho. Ah se posso lhe dar um conselho digo: “Aprenda Inglês!”.

Fizemos um passeio noturno pela cidade e logo fomos à casa, pois fazia muito frio. No domingo fomos à missa onde vi muita gente adulta, poucos jovens e um número considerável de crianças. Por ser o país mais ateu da Europa, a participação não está mal. Interessante que na entrada cada fiel que vai comungar faz o sinal na cruz com água benta e colhe uma hóstia, pondo-a no recipiente que será consagrada pelo Padre. Há também muita participação das pessoas cantos, oferendas, liturgia, etc. Logo fizemos uma visita pelo centro histórico de Praga. Aqui destaco a visita a igreja da Virgem da Vitoria, onde se encontra a famosa imagem do Menino Jesus de Praga, o curioso é que ali também tem um altar dedicado a Nossa Senhora Aparecida; destaco ainda a visita ao Castelo de Praga com sua Catedral e complexo Real do País, ali visitei uma exposição brasileira com fotos de índios, criação de Brasília e imigrantes Tchecos ao Brasil, muito interessante.

No período da tarde, encontramos o Pe. Pavol e partimos rumo à Espanha. Dormimos na casa de um Padre, seu amigo, na cidade de Plzen, na fronteira entre Rep. Tcheca e Alemanha, o mesmo nos falou dos problemas de evangelização na região. Logo passamos por Alemanha, Luxemburgo e França onde dormimos na estrada e no final da tarde do dia seguinte celebramos a missa pelos defuntos na Casa onde nasceu São Vicente de Paulo. Logo nos dirigimos a Bibao – Pais Vasco – Espanha. Ali também descansamos e chegamos em Madrid para o almoço do dia seguinte.

Foi uma experiência interessante percorrer esse trecho da Europa e conhecer um pouco mais das culturas locais. A viagem foi rápida e cansativa, mas valeu! Vamos ver que outras surpresas essa missão me aguarda.

Comentários

  1. Ah o inglês é sempre bom ter um pouco de domínio'
    Mas tenho certeza que você ñ teve tanta dificuldade, kkk' as fotos ficaram ótimas'
    Parabéns pela belíssima missão q cumpristes, desejo-lhe, boa sorte e sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelos comentarios Guiller. Deus o abençoe!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário